Categoria: Qualidade de Vida

Continuar trabalhando na terceira idade é saudável, mas requer cuidados

Continuar trabalhando na terceira idade é saudável, mas requer cuidados

Se por muito tempo o pensamento de que pessoas mais velhas deveriam ficar em casa, hoje, o
trabalho na terceira idade é mais comum do que se imagina e traz grandes benefícios. Muitos
aposentados retornam para o mercado de trabalho e os motivos que levam a isso são diversos.

Existem os que retornam porque precisam complementar a renda e os que não querem ficar
parados.

Não importa qual a razão, isso não fará nenhum mal, pelo contrário, pode trazer uma série de
ganhos.

Confira os principais benefícios:

Vantagens do trabalho na terceira idade

O trabalho na terceira idade não tem apenas a ver com a conquista de uma remuneração, mas
em ter uma vida mais saudável. Ao trabalhar, a pessoa exercita sua criatividade e capacidade
de decisão.

Manter a mente ativa

A melhor maneira de evitar doenças degenerativas mentais é manter o cérebro em
funcionamento e o exercitando com frequência. O trabalho permite que se mantenha uma
linha de raciocínio e que exercícios mentais sejam praticados de forma constante.

Relacionamento interpessoal

O trabalho na terceira idade ajuda a afastar a solidão e a manter um vínculo próximo com
colegas e amigos. O relacionamento diário ajuda a criar laços e a melhorar o convívio com as
pessoas.

É bastante comum na terceira idade que a pessoa fique mais resistente e não aceite opiniões.
Por conta da hierarquia e regras das empresas, terá de lidar com essa situação e tornar o
convívio mais amigável.

Valorização pessoal

Ao perceber que pode contribuir muito com o aprendizado, principalmente dos mais novos, os
idosos se sentem mais valorizados. Eles possuem uma ampla experiência de vida e essa
contribui para o crescimento das organizações e demais profissionais.

A pessoa passa a se sentir mais útil, fazendo uma atividade que de alguma forma está
contribuindo com a sociedade. O resultado é a valorização pessoal e melhora da autoestima.

Menor impacto no estilo de vida

Se a pessoa trabalhou a vida inteira e sente prazer nisso, não é porque se aposentou que
precisa parar. Muitos que optam por esse caminho acabam se sentindo deprimidos e sem
utilidade.

Se a rotina sempre incluiu o trabalho e isso faz bem, não importa a idade, o trabalho ajudará.

Pode-se diminuir o ritmo se preciso, mas, não alterar a rotina para algo monótono e sem
ocupação.

Quais cuidados tomar para trabalhar e ter uma vida saudável?

Os benefícios e ganhos são recompensadores, entretanto, é preciso ter um pouco mais de
atenção em relação ao trabalho na terceira idade. Isso se deve ao fato do corpo passar por
mudanças, estando um pouco mais debilitado para realizar algumas ações.

Os problemas ocasionados pelo trabalho na terceira idade, no geral estão relacionados a
questões físicas. O envelhecimento propicia o surgimento de problemas osteomusculares se
não receber a devida atenção as atividades realizadas podem intensificar o quadro.

Os distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho (DORT) também chamados de lesões
por esforço repetitivo (LER) são os mais comuns. Eles surgem em decorrência da repetição de
movimentos de forma frequente e sem que haja intervalos para descanso.

Para prevenir esse problema, o ideal é que haja pausas regulares a cada cerca de 50 minutos
de atividades. Nesses intervalos é recomendado levantar ou mudar de posição para que o
corpo não se acostume.

Fazer alongamentos e ginástica laboral ajuda a trabalhar tendões e músculos, evitando a
sobrecarga e estafa. Porém, a mente também deve receber cuidados, garantindo um tempo de
descanso e descontração.

O trabalho na terceira idade garante uma grande quantidade de benefícios, fazendo com que a
pessoa continue ativa e se sinta valorizada. Se adotadas as medidas para prevenir doenças, é
possível exercer a profissão por longos anos e garantir qualidade de vida.

No SBA Residencial, a rotina diária é continuada, ou seja, você mantém sua qualidade de vida
realizando todas as tarefas normalmente. Conheça tudo o que podemos oferecer.

 

Confira outras formas de envelhecer de forma saudável!

 

Passeios da Hospitalidade – Templo Zu Lai

A apenas 20 minutos de carro da sede da SBA, está o tranquilo Templo Budista Zu Lai, na cidade de Cotia, um dos destinos favoritos dos moradores que participam dos Passeios promovidos  pela equipe de Hospitalidade do SBA Residencial. O Templo é o maior santuário da religião oriental na América Latina e sua arquitetura lembra muito os clássicos palácios chineses, cercado por um jardim com esculturas em pedra sabão, fonte d´água e lindas arvores cerejeiras que compõem o paisagismo do local.

Logo na entrada, os visitantes se deparam com uma enorme estátua sorridente de Buda, que também aparece adornado no salão principal. Aos domingos, a partir das 10h, é possível acompanhar uma cerimônia com mantras (palavras sagradas) em chinês e o Templo atrai também os não-budistas que visitam para saborear pratos vegetarianos do restaurante, ou para conhecer o Museu de arte oriental, a cafeteria, a livraria ou realizar alguns dos cursos oferecidos como ikebana, tai chi chuan, chinês, culinária vegetariana e meditação.

No último dia 20 de julho, a Assistente Social da SBA, a Malu, acompanhou o grupo e relatou o quanto a visita foi especial para o morador Sr. Alberto. “Foi muito gratificante proporcionar essa alegria para o Seu Alberto, em especial, pois ele ficou encantado com a grandiosidade do Templo, e ele não acreditava que estava diante de algo tão majestoso, e essa vivência despertou nele um sentimento muito positivo, porque ele disse que momentos como este fazem a vida valer a pena”, destaca Malu emocionada.

A Assistente Social também destacou que todos prestaram muita atenção na visita guiada e fizeram os pedidos diante do altar. “Acompanhar o grupo e percebê-los maravilhados é muito satisfatório, e além disso tudo, incentivá-los a se voltarem para si, e para o lado espiritual, também é muito importante”, ressalta Malu.

Os passeios da Hospitalidade são realizados a cada 15 dias e mais informações podem ser obtidas pelo telefone: (11) 3724-9770/9771

https://photos.app.goo.gl/3rAJuLMqTqB6CKkF3

 

Sarau dos Trovadores Urbanos no SBA Residencial

Uma serenata alegre e romântica, com um repertório feito para emocionar, contagiou os moradores do SBA Residencial para idosos no último dia 9 de julho. Um evento diferente transformou a tarde de domingo em um momento especial. O Sarau dos Trovadores contou com a dupla Maída e Luiz que entoaram mais de 12 canções e pout pourris carinhosamente escolhidos para o público da SBA.

A serenata surgiu no século 16, na Europa, com os românticos que queriam declarar seu amor com uma música composta especialmente para a amada. Com essa essência, nasceu os Trovadores Urbanos, uma empresa de entretenimento formada por músicos que são seresteiros natos e cantam para homenagear pessoas, transformando a música como forma de presente. O sucesso deste projeto foi tanto que, em 1991, o grupo começou a trajetória de shows, sendo chamados pelo Brasil afora e posteriormente para o exterior.

Conscientes também de sua função social, os Trovadores Urbanos investem em ações que proporcionam uma melhoria na qualidade de vida das pessoas com apresentações gratuitas e iniciativas filantrópicas. O grupo se dedica ao repertório romântico através de uma cuidadosa pesquisa musical, e o esmero em seu figurino para cantar, encantar, emocionar e impressionar ao público, o que os transformou em sinônimo de romantismo e elegância.

A primeira apresentação na capital paulista foi justamente na comemoração do Dia dos Namorados, 12 de julho de 1990, emocionando uma plateia desacostumada a manifestações afetivas dessa natureza. Desde então, os Trovadores Urbanos não deixaram mais de cantar em serenatas e saraus que são verdadeiras comemorações. Além das serenatas, o grupo original também segue gravando CDs e interpretando trilhas sonoras para programas de TV e novelas.

Saiba mais sobre os Trovadores Urvanos no site: www.trovadoresurbanos.com.br

A Sociedade Beneficente Alemã agradece imensamente a parceria e deseja muito sucesso a todos os músicos. Parabéns e obrigado!

No SBA Residencial são promovidos diversos eventos e ações para os moradores desfrutarem de momentos especiais e agradáveis, buscando sempre seu bem-estar e formas de estreitar as relações na instituição por meios desses momentos de convívio social.

Confira mais sobre o Sarau dos Trovadores clicando no álbum abaixo e no vídeo em nosso canal do YouTube.

Sarau Trovadores Urbanos 09/07/2017 / Google Photos

 

 

Ballet Clássico é atração no Dia da Rússia

Veja como foi o evento que homenageou a moradora de origem russa, Sra. Ácia e Sra. Olga, que foram presenteadas com uma belíssima apresentação de Ballet Clássico da Academia Cristiana Moreno ( www.academiacristinamoreno.com.br ) durante o Dia da Rússia. Foram apresentados 3 solos do repertório clássico, A Bela Adormecida, O Pássaro Azul e Paquita, e um Pás de Deux de ballet clássico livre, Aladdin.
Delicadeza e emoção na manhã do Residencial.

Clique na primeira foto para acessar o álbum.

 

 

Dia da Rússia 16/06/2017 / Google Photos

A importância da terceira idade na família e na sociedade

Só quem viveu a experiência sabe o quão bom é crescer com a presença dos avós por perto. Criar esta ligação entre as crianças e quem está na terceira idade é algo que beneficia os dois lados da relação. Os mais experientes têm um papel muito importante na família e para toda a sociedade. Mas, muitas vezes, isso acaba ficando de lado.

Com o avanço da idade, muitas pessoas preferem se recolher em casa evitar o convívio com a família e vizinhos. No entanto, é muito importante que os mais próximos, sejam os amigos ou próprios familiares, ajudem a combater a solidão. Esta atitude pode ser feita de maneira simples e delicada. Um bom exemplo é convidando o avô ou a avó para ajudar nos cuidados com os netos.

Independente da idade, quando participamos de alguma atividade que promove o contato com outras pessoas, sentimos alegria, satisfação e ficamos estimulados a viver, cada vez mais, momentos felizes como os que passamos juntos aos outros. Consequente, a autoestima melhora, assim como o bem-estar e a vontade de nos mantermos ativos.

A relevância da terceira idade para as demais gerações

Se existe uma certeza é a de que a experiência e maturidade só aumentam com o passar do tempo. A terceira idade é a parcela da população que tem uma visão mais ampla da vida, devido a sua enorme bagagem, e que já presenciou diversos acontecimentos no mundo que transformaram a forma de viver das outras gerações.

Manter esta geração ativa na sociedade é garantir a transmissão do conhecimento para os mais jovens, é permitir que os ensinamentos sejam passados entre as gerações e, claro, garantir que a cultura não se perca.

No ambiente familiar isso ganha ainda mais importância, pois é com os avós que os netos aprendem sobre as histórias, as tradições e até mesmo as receitas da família. Sem falar, nos momentos de diversão que ficam gravados para sempre na memória dos dois.

Outro enorme benefício é capacidade da pessoa mais experiente transmitir conhecimentos profissionais para demais gerações. Dessa forma, ele faz um mentoring, ou seja, torna-se um mentor que apoiará o desenvolvimento profissional para os mais jovens.

O SBA Residencial promove essa técnica e convida os alunos do SBA Girassol Pro para que eles conheçam a história profissional dos moradores mais experientes do condomínioA troca entre as gerações faz bem muito bem! Ao transmitir seus conhecimentos e a história de sua carreira, o residente mantém viva a memória e compartilha valores, técnicas e conceitos importantes para quem deseja alcançar o sucesso na profissão que escolheu.

Os benefícios da participação dos avós na vida dos netos

“Avós são pais duas vezes” e “avós são pais com açúcar” são apenas algumas das expressões que deixam bem claro o quanto é grande o carinho e o afeto dos parentes mais velhos com os mais jovens da família. Quem conviveu com os avós na infância sabe a importância dos momentos vividos e o quanto é divertida esta troca entre os pequenos e os avós.

Muitos são os benefícios da participação dos avós na vida dos netos, de acordo com um estudo feito pelo Boston College, nos Estados Unidos, e publicado no site da Revista Crescer, os dois lados deste relacionamento são beneficiados. Para os avós, esta conexão permite o contato com uma geração mais nova, com mais abertura e a descoberta de novas ideias. Já para os netos, os idosos são fonte de conhecimento e sabedoria para toda a vida. Além disso, os pesquisadores também perceberam benefícios para a saúde mental. Dos dois lados, notou-se uma diminuição nos sentimentos de depressão.

Há outros benefícios que também podem ser destacados nesta relação:

  • Cuidar dos netos ajuda aos que estão na terceira idade a terem mais paciência em atividades do simples do cotidiano. O contato com as crianças também os deixam mais afetuosos.
  • Estimula o lado da comunicação emocional entre as duas partes.
  • Ajudam os pais a terem outras visões em relação ao comportamento dos pequenos. Afinal, a experiência dos avós é dobrada quando o assunto é o cuidado dos netos.
  • Os avós são menos críticos que os pais, por isso ajudam a reforçar os pontos positivos das crianças.
  • Os avós são apoios emocionais indispensáveis para os netos, o que pode ser muito importante em momentos de crise entre os pais, por exemplo.

A participação da terceira idade na vida das crianças só tem pontos positivos. Cuidar dos netos também garante aos avós mais vitalidade. Afinal, as crianças em alguns momentos exigem bastante fisicamente e isso é muito positivo para os idosos. Isso significa que a relação pode beneficiar a saúde dos mais velhos diretamente, tanto no aspecto físico quanto nas questões psicológicas.

Garantir a saúde dos mais velhos é muito importante. Porém, mantê-los ativos na sociedade, num ambiente dinâmico e totalmente integrado é fundamental.

Para o SBA Residencial manter o contato entre gerações é indispensável para combater a solidão. Por isso, mantém uma programação repleta de eventos que trazem seus familiares e jovens que buscam orientação profissional dos moradores. Confira mais artigos sobre estes encontros em nosso blog.

Conheça o SBA Residencial, um conceito de moradia ideal para as pessoas da terceira que querem ter o apoio necessário, mas, sem abrir mão da liberdade.

Baixe gratuitamente nosso E-book a hora de decidir!

 

 

Venha Dançar – Moda de Viola

“Não há, oh gente, oh não, luar como esse do sertão”

A festança começou ao som de Luiz Gonzaga, interpretado pelo Pastor Nino e pelo Alexandre, que tocaram na abertura de mais uma edição do projeto Venha Dançar. A equipe de Hospitalidade se mobilizou semanas antes para comprar artigos de decoração, preparar as músicas e as surpresas que agradaram os moradores do SBA Residencial para idosos.

O tema do último evento trouxe modas de viola, música caipira raiz e até berrantes!

Uma festa que emocionou moradores e familiares presentes, pois a música tem esse dom de despertar memórias e sentimentos.

Confira a caipirada e os sertanejos que estavam presentes na festa!

Baile Venha Dançar – Moda de Viola 26/05/2017 / Google Photos

Moradores participam de Passeios em grupo

Mais do que necessário, o convívio social no SBA Residencial para idosos, já se tornou rotina para um grupo de amigos que moram na instituição.

Duas vezes por mês, os moradores se organizam com apoio da equipe de Hospitalidade, para visitarem pontos turísticos, exposições ou simplesmente para comerem uma pizza à noite. Os passeios têm sido tão agradáveis que, cada vez mais, os moradores participam sugerindo locais e programas culturais de interesse.

No último mês, os moradores foram para o Pico do Jaraguá, Sala São Paulo e Igreja da Gruta, sempre acompanhados por profissionais que dão todo o suporte e a segurança que os idosos necessitam.

No SBA Residencial os passeios em grupo têm o objetivo de promover momentos de convivência, troca de experiências e de integração. Esse incentivo que oferecemos, reforça que morar em um residencial proporciona ao idoso manter seu estilo de vida e também poder participar de diversas atividades que promovem o conhecimento, cultura e bem-estar, permitindo aos moradores estabelecerem vínculos de amizade com seus vizinhos, o que é muito saudável e essencial para sua qualidade de vida.

Saiba mais sobre o SBA Residencial e confira imagens destes passeios clicando na primeira foto abaixo:

Passeio Igreja da Gruta / Google Photos

Páscoa na SBA

Nas semanas que antecederam a Páscoa, a Terapeuta Ocupacional Melina, realizou diversas atividades com os moradores do SBA residencial, como pintura em ovos, desenhos de símbolos da páscoa e elaboração de objetos decorativos.

As voluntárias do setor de festividades também decoraram a instituição com coelhinhos e arranjos florais, criando um clima festivo e alegre.

Além de todas essas ações, também foi preparado com muito carinho, um chá de Páscoa para todos os moradores, independente da religião que seguem. Neste evento são servidos diversos quitutes, quiches, salgados, colombas pascais, café, chá, chocolates e muita doçura.

Toda equipe se mobiliza para servir os moradores e proporcionar uma tarde alegre e agradável.

Confira as imagens da festa no álbum abaixo!

Chá de Páscoa / Google Photos

Pessach 2017 – Páscoa Judaica

Pessach significa Passagem e traz consigo a mensagem de liberdade que está no cerne desta celebração. Este ano foi realizada a 4ª edição do evento que já se tornou uma tradição no SBA Residencial.

“É um momento de convivência e troca dentro do nosso residencial e este ano parece que ficou ainda mais natural para todos. Moradores, familiares, voluntários, convidados e o staff saíram energizados, foi uma noite em família!”, destaca Vivian Manasse Leite, diretora da SBA.

Participações especiais também integraram a celebração, como a apresentação de canções tradicionais, interpretadas por Sonia Oppenheim, filha da nossa querida moradora Hanna Brandt. Sonia conduziu a cerimônia com uma narrativa sensível e interessante, explicando o significado da data e dos muitos símbolos que a compõem.

A celebração do Pessach na SBA também contou com o apoio de voluntários, que ajudaram na montagem das mesas e durante todo o evento.

O Pessach recebeu, não apenas os familiares dos nossos moradores de religião judaica, mas também moradores interessados, colaboradores, integrantes da diretoria e familiares, judeus e não-judeus, todos juntos, sentados à mesa, para saborear um jantar delicioso e celebrar a esperança e a liberdade para todos!

Clique na foto abaixo para acessar o álbum!

Pessach 2017 / Google Photos