Como envelhecer de forma saudável

A população brasileira está envelhecendo mais. De acordo com dados divulgados em 2016 pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) em 40 anos os idosos representarão 10% da população do país ‒ o equivalente a mais de 19,6 milhões de pessoas. Além disso, a nossa atual expectativa de vida é de 75,4 anos, um aumento significativo se considerarmos que essa estimativa era de apenas 33 anos de idade no início do século 20.

Portanto, para que tenhamos uma terceira idade saudável, medidas preventivas devem ser tomadas o quanto antes. De acordo com especialistas, o processo de envelhecimento saudável está baseado em cinco pilares: alimentação, atividade física, inserção social, controle de doenças e saúde emocional.

No post de hoje falaremos mais sobre esse assunto dando dicas de como envelhecer bem com base nesses pilares. Acompanhe.

 

1. Tenha uma alimentação equilibrada

Por mais que saibamos sobre os benefícios de ter uma alimentação saudável para o corpo e a mente, nem sempre conseguimos realmente colocar essa dica em prática.

Ter uma alimentação saudável não significa que você deve abrir mão dos “prazeres da mesa” e adotar uma dieta totalmente restrita. O mais importante é você manter o equilíbrio e se alimentar com comidas naturais, que vêm da terra e de derivados de animais saudáveis (caso não seja vegetariano) ‒ deixando de lado os chamados alimentos ultraprocessados, que são repletos de combinações químicas e extremamente pobres em nutrientes.

Portanto, mantenha o equilíbrio nas refeições, ingerindo alimentos “de verdade” e em quantidades certas para o seu metabolismo. Na dúvida, conte com o auxílio de um nutricionista para lhe ensinar a combinar os melhores alimentos.

 

2. Pratique atividades físicas

Essa é uma dica que precisa ser seguida hoje mesmo. Afinal, durante o processo de evolução humana, o homo sapiens precisou se movimentar para garantir a sobrevivência. E o mesmo vale para o homem pós-moderno.

Atualmente, a OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda a prática de atividades físicas com intensidade moderada por pelo menos 30 minutos e 5 vezes por semana, ou de intensidade alta por 20 minutos e 3 vezes por semana.

Então, comece agora a praticar atividades que envolvem tanto aeróbica quanto força muscular e equilíbrio. Com tantas opções de exercícios, seja ao ar livre ou em academias e clínicas, realmente não dá para ficarmos parados.

Uma dica importante é você se consultar com um médico antes do início de qualquer prática esportiva. Dependendo das suas condições de saúde, haverá atividades específicas e mais seguras.

 

3. Mantenha o convívio social 

Manter o contato com familiares, amigos, colegas de trabalho e conhecer novas pessoas é fundamental para termos uma terceira idade saudável. Afinal, conviver socialmente nos mantém atualizados e conectados ao mundo em que vivemos. Manter-se isolado pode causar muitos males físicos e mentais, inclusive servindo de terreno para a depressão, o mal do nosso século.

Caso você resida longe de familiares e amigos, uma dica é fazer atividades lúdicas voltadas ao entretenimento e aprendizado, tais como aulas de dança, jogos, curso de artesanato, entre outras. Você também pode se planejar para fazer viagens, tanto sozinho, com amigos, familiares e até em excursões.

 

4. Mantenha a saúde física e mental sob controle 

Mesmo que esteja com a alimentação equilibrada, praticando exercícios e mantendo o convívio social, não deixe de checar como anda a sua saúde. Pelo menos uma vez ao ano, faça um check-up médico completo, realizando todos os exames relacionados à idade e ao histórico familiar.

A saúde emocional também deve ser controlada. Fuja de situações estressantes, pratique a meditação, faça sessões de relaxamento, mantenha pessoas positivas por perto e procure dormir bem, respeitando o seu relógio biológico.

E caso você ou algum familiar esteja passando por situações complicadas e desenvolvendo alguns sintomas que possam levar ao aparecimento de doenças como depressão, transtornos de ansiedade e outros distúrbios, não deixe de procurar por ajuda especializada.

Tudo começa com a criação de hábitos. A partir do momento em que essas dicas se tornem parte da sua rotina, o processo de envelhecimento será mais equilibrado e você chegará à terceira idade saudável.

 

Para mais informações sobre esse e outros temas que envolvem a saúde e o bem-estar da terceira idade, entre em contato com a SBA Residencial através do Fale Conosco

Baixe nosso E-book Hora de Decidir!